Your browser (Internet Explorer 7 or lower) is out of date. It has known security flaws and may not display all features of this and other websites. Learn how to update your browser.

X

Navigate / search

PARA O SENHOR UM DIA É COMO MIL ANOS E MIL ANOS COMO UM DIA

Não se esqueçam disto, amados: Para o Senhor um dia é como mil anos e mil anos com um dia. 2 Pedro: 3.38.

Quando alguém diz para se esperar o tempo de Deus, na maioria das vezes, está se referindo ao fato de que o homem não deve ficar ansioso em virtude de o que ele está aguardando ainda não aconteceu ou que a promessa que ele espera ainda não chegou.

Tudo tem seu tempo, ainda não chegou o tempo determinado, são frases muito utilizadas em ocasiões como esta.

Você não pode deixar de ler também: Sem perseverança não existe vitória”.

E é isso mesmo, muitas vezes as pessoas se precipitam porque não conseguem esperar que a promessas de Deus se cumpram em suas vidas e acabam “metendo os pés pelas mãos”.

E o propósito principal deste artigo é reforçar esta questão, isto é, muitas vezes o ser humano olha para uma determinada situação e entende que a solução para o seu problema está longe de acontecer.

“Outra ótima leitura para você seria: O discurso e a prática”

As circunstâncias são tão negativas que ninguém consegue vislumbrar uma saída em tempo algum, mas, como diz o versículo tema do nosso texto, para Deus um dia é como mil anos e mil anos como um dia.

E resumo, existe momentos em que o homem acha que as coisas já poderiam ter acontecido em sua vida e que Deus está demorando e, em outros, acha que ainda não existe a menor condição de acontecer e que Deus vai demorar muito a intervir na situação.
…Leia o artigo completo

NÃO SE DEVE CHUTAR CACHORRO MORTO E SIM TER COMPAIXÃO

Quem despreza o próximo comete pecado, mas como é feliz quem trata com bondade os necessitados! Provérbios: 14.21.

Não se deve chutar cachorro morto é uma frase muito utilizada para exemplificar que não se deve agredir alguém que já se encontra combalido ou derrotado, ou seja, trata-se daquela situação em que uma pessoa que já sofreu um revés e vem alguém e o atinge mais ainda.

Entretanto, infelizmente, existe muita gente boa que adora fazer isto, isto é, de uma forma oportunista aproveita-se de determinados momentos ruins que alguém possa estar passando e ajuda a afundá-lo cada vez mais.

“Sugerimos que você leia também: As promessas de Deus e Seus propósitos”.

Na realidade, as pessoas que agem assim são aquelas que não têm coragem de enfrentar os seus desafetos ou determinadas situações de igual para igual e, quando percebem a fragilidade momentânea do “oponente”, aproveitam-se da situação para acabar de enterrá-lo.

“Você não deve deixar de ler também: Versículos bíblicos com promessas de Deus para a sua vida”.

Percebam que colocamos a palavra oponente entre aspas simplesmente porque quase sempre não se trata disso, isto é, não tem nada a ver com amigo versus inimigo, ou situação versus oposição, o problema nada mais é do que falta de compaixão, de uma satisfação doentia com a desgraça alheia.
…Continue lendo o artigo…

A RIQUEZA PODE SEDUZIR E ESCRAVIZAR O SER HUMANO

Levaram também a Ló, sobrinho de Abrão, e os bens que ele possuía, visto que morava em Sodoma. Gênesis: 14.12.

A riqueza pode seduzir e escravizar o ser humano, levando a todos os que se deixam encantar por ela a ter problemas muito sérios.

Isto não quer dizer que não devamos buscar melhorar a nossa vida ou tentar prosperar nesta terra, isto é, não estamos, neste texto, pregando a pobreza.

“Você deveria ler também: Existe outro Evangelho?”.

O grande problema é que muitas pessoas não conseguem entender que o dinheiro foi feito para ser usado pelo homem e não para governar a vida do ser humano, mas, infelizmente, muita gente boa acaba se tornando refém da ganância.

Foi o caso de Ló, que seduzido pelo desejo de ter mais posses e sucesso, acabou indo viver em lugar onde não deveria, ou seja, a sua ambição acabou por não deixá-lo perceber que estava vivendo em uma cidade que colocava em risco a ele e a toda a sua família.

“Sugerimos que você leia também: A satisfação doentia com a desgraça alheia”.

Então, deu no que deu, como está colocado no versículo que serve de tema para o nosso texto, ele acabou preso e, com certeza, deve ter passado por momentos de muitas dificuldades e sofrimentos. …Continue lendo o artigo…