Navigate / search

SOMOS ATRIBULADOS, MAS NÃO ANGUSTIADOS, PERPLEXOS, MAS NÃO DESANIMADOS

Em tudo somos atribulados, mas não angustiados; perplexos, mas não desanimados, perseguidos, mas não desamparados; abatidos, mas não destruídos. 2 Coríntios 4:8-9.

Somos atribulados, mas não angustiados, perplexos, mas não desanimados.

A vida de qualquer ser humano não é nenhum mar de rosas, pelo contrário, é muito difícil e o fato de ele ser cristão não lhe dá isenção com relação aos problemas, ou seja, tanto quem não é cristão quanto quem é está completamente exposto a todas as mazelas da vida. “Sugerimos que você leia também: O pecado da omissão”.

É pertinente ressaltar que, infelizmente, existem algumas pessoas que pregam justamente o contrário, isto é, que o fato de uma pessoa ter aceitado Jesus como Senhor e Salvador lhe dá a condição de não ser envolvido pelos problemas do cotidiano e, pior, caso alguém esteja passando por dificuldades é sinal de que esta pessoa deve estar em pecado, o que é um verdadeiro absurdo, já que a Palavra de Deus diz que: “Neste mundo tereis aflições”. “Outra ótima leitura para você seria: A luta interior do ser humano”.

Entretanto, o que gostaríamos de focar neste artigo é que quando nos tornamos cristãos, somos capacitados por Deus a enfrentar todas estas aflições sem nos angustiar, sem desanimar, sem nos sentirmos desamparados e com a certeza de que não seremos destruídos.

Quando passamos a nos relacionar com Deus, nos é fornecido, por Ele, uma força que antes não conhecíamos e que nos dá as condições necessárias para continuarmos em frente, apesar das circunstâncias que estamos vivendo.

Seria muito bom se conseguíssemos viver sem ter problemas, mas todos nós sabemos que a “vida real” não funciona assim, porém a grande diferença está em quem está ou não preparado para enfrentá-los. “Você não pode deixar de ler também: Perdoar ou conviver com a amargura”.

O sofrimento faz parte da vida, em alguns casos é até necessário para que nos tornemos pessoas melhores, para que tenhamos uma visão diferente das coisas, para que venhamos baixar o nosso orgulho ou para que nos coloquemos em nossos devidos lugares, entretanto, a fé de quem crê, o coloca em posição de conseguir passar por tudo isso sem se desesperar. “Leia também: Quem ama o dinheiro jamais terá o suficiente”.

Sendo assim, precisamos ter a real dimensão que em nossa caminhada viveremos dias bons e outros ruins, dias de alegria e dias de tristeza, até porque tudo tem seu tempo, porém o cristão não deve se esquecer do poder que lhe foi concedido por Deus e que o fará passar por tudo sem desanimar. Pense nisso e deixe o seu comentário.

Por:Marcio Motta

Disponibilizamos um E-book para você. Coletânea de Versículos Bíblicos. Não deixe de baixar. É grátis!  => => => Quero Receber!

 

Facebooktwittergoogle_plusmail

Comments

Wal
Reply

Palavra boa demais. É um incentivo para que continuemos firmes na esperança de que Jesus nós ajudará. É difícil mas…

Marcio Motta
Reply

Wal fico feliz que o texto tenha abençoado a sua vida. Fique com Deus.

Leave a comment

name*

email* (not published)

website