Navigate / search

A SITUAÇÃO ESTÁ RUIM? PEÇA O SOCORRO DE DEUS

Depois disso, os moabitas e os amonitas, com alguns dos meunitas, entraram em guerra contra Josafá.
(2 Crônicas: 20.1)

Diz a Palavra de Deus que os Moabitas e os Amonitas declararam guerra contra Judá.

A situação esta ruim peça o socorro de Deus

E Josafá, rei de Judá, foi informado que um grande exército do inimigo estava pronto para vir contra o seu reino.

Muito preocupado, o rei, então, decidiu consultar a Deus e determinou um jejum em todo o reino.

O povo, diante desta situação, veio de todos os lugares para buscar a ajuda do Senhor.

Neste momento, Josafá levantou-se, diante de toda a Assembleia de Judá e Jerusalém, e orou a Deus clamando a Sua intervenção diante daquela situação.

Então, veio o Espírito do Senhor, através de Jaaziel, que era um levita e disse que ninguém tivesse medo, pois aquela batalha não era deles e sim de Deus. …Leia o texto completo…

Facebooktwittergoogle_plusmail

A BELEZA INTERIOR É DESPREZADA PELO HOMEM

Aquele que odeia dissimula com seus lábios, mas no seu íntimo encobre o engano.
(Provérbios: 26.24)

As vezes convivemos com alguém e, de repente, somos surpreendidos com alguma atitude sua.

A beleza interior é desprezada pelo homem.

Como se quem tivesse agindo daquela forma, não fosse a pessoa que conhecemos e sim uma outra.

Ficamos surpresos, estarrecidos, tristes, decepcionados, perplexos, pois não estávamos esperando nada disso.

Porém, a verdade está ali, à nossa frente e não podemos fazer absolutamente nada.

Sabem por que isto acontece? Por que muita gente se decepciona?

Simplesmente porque damos muito valor à beleza externa e nos preocupamos muito pouco com o interior das pessoas.

Estamos tão centrados no exterior muito bonito, que não nos apercebemos dos sinais que são passados ao longo desta convivência. …Continue lendo o texto…

Facebooktwittergoogle_plusmail

DEVEMOS FUNDAMENTAR AS NOSSAS VIDAS NO QUE É ETERNO

Nem o sábio, nem o tolo, serão lembrados para sempre, nos dias futuros ambos serão esquecidos. Como pode o sábio morrer, como morre o tolo?
(Eclesiastes: 2.16)

Vivemos de uma forma tão intensa que esquecemos de um detalhe muito importante.

Devemos fundamentar as nossas vidas naquilo que é eterno

Que estamos neste mundo de passagem, ou seja, aqui não é a nossa morada definitiva.

Todos nós, num dia qualquer, iremos morrer e tudo o que conseguimos juntar nesta terra, aqui ficará.

Todos os tesouros, riquezas, realizações pessoais, enfim, definitivamente tudo, não poderá ser levado para onde todos nós tornaremos, o pó.

Mesmo sabendo de tudo isso, muitos de nós investimos tudo nas coisas que são passageiras, nas coisas deste mundo.

E é importante salientar, que não existe nada de errado em buscar a prosperidade ou o crescimento material, enquanto estamos aqui. …Continue lendo o texto…

Facebooktwittergoogle_plusmail