Navigate / search

JESUS ENSINA A CONHECER AS PESSOAS QUE PRODUZEM BONS E MAUS FRUTOS

Acautelai-vos, porém, dos falsos profetas, que vêm até vós vestidos como ovelhas, mas, interiormente, são lobos devoradores.

(Mateus: 7.15)

Jesus nos recomenda cautela e nos ensina a discernir entre os bons e os maus pastores.

Ele diz para que tomemos muito cuidado porque muitos profetas virão até nós parecendo boas pessoas, mas, infelizmente, não serão, pelo contrário, serão muito ruins e os compara com lobos devoradores.

Jesus ensina a conhecer as pessoas que produzem bons e maus frutos

E nos mostra a forma como distingui-los, isto é, nos orienta a olhar para os resultados das suas ações, pois é através das consequências dos seus atos é que conseguiremos conhecê-los.

“Não deixe de ler: O frutos do Espírito e as obras da carne”.

Pois uma pessoa boa produz boas obras e uma pessoa ruim produz obras ruins, ou seja, uma árvore ruim jamais dará bons frutos e uma árvore boa nunca dará maus frutos.

“Outra ótima leitura seria: A paciência produz frutos doces”.

Nestes versos Jesus está, de uma forma muito clara, afirmando que nem todos que se dizem mensageiros de Deus o são.

Muitas pessoas, infelizmente, usam a obra de Deus em benefício próprio e cabe a cada um de nós procurar ter discernimento de separar o joio do trigo.

Por isso, não devemos simplesmente acreditar naquilo que nos é dito pelos mestres, é necessário examinar se o que está sendo falado tem respaldo bíblico.

E mais, se o estilo de vida de cada uma das pessoas que pregam o Evangelho está coerente com o que é pregado, pois não dá para se viver de uma forma na igreja e de outra no dia a dia.

“Você deveria ler também: E sou a videira verdadeira”.

É por isso que Jesus diz que nem todos que dizem “Senhor, Senhor”, entrarão no Reino dos Céus, mas somente aqueles que fizerem a vontade de Deus terão este privilégio.

Jesus também afirma que muitos, lá naquele dia, dirão que profetizaram em Seu nome, que expulsaram demônios e que fizeram muitas maravilhas, porém receberão a seguinte resposta: “ Nunca os conheci, saiam de perto de mim, pois vocês fizeram muitas maldades”.

“Leia também: O discurso e a prática”.

É importante salientar que não existe o pastor perfeito, o obreiro que não erra, muito pelo contrário, todos nós estamos sujeitos a pecar, somos seres humanos, porém existem pessoas que pregam falsos ensinos e é a estes que Jesus está se referindo.

Por isso, tentar entender a motivação das pessoas que pregam e ensinam o Evangelho é de suma importância para se chegar a alguma conclusão.

Pense nisso e deixe o seu comentário.

Por:Marcio Motta

Disponibilizamos um E-book para você. Coletânea de Versículos Bíblicos. Não deixe de baixar. É grátis!  => => => Quero Receber!

 

Facebooktwittergoogle_plusmail

Comments

Douglas
Reply

Grande verdade> Amar a Deus com todas as forças da Alma e Espírito e ao próximo como Ele nos amou. Disto depende toda a Lei e os profetas.

Marcio Motta
Reply

Obrigado Douglas pelo seu comentário.

Leave a comment

name*

email* (not published)

website