Navigate / search

O COMPROMETIMENTO PRODUZ PERSEVERANÇA

2 Timóteo  4. 5 – 8

Você, porém, seja sóbrio em tudo, suporte os sofrimentos, faça a obra de um evangelista, cumpra plenamente o seu ministério. Eu já estou sendo derramado como uma oferta de bebida. Está próximo o tempo da minha partida. Combati o bom combate, terminei a corrida, guardei a fé. Agora me está reservada a coroa da justiça, que o Senhor, justo Juiz, me dará naquele dia; e não somente a mim, mas também a todos os que amam a sua vinda.

O comprometimento produz perseverança

 

Paulo escrevendo a Timóteo lhe aconselha para que seja moderado em qualquer situação, que aprenda a suportar o sofrimento, que procure fazer o seu trabalho bem feito. No que diz respeito a ele, diz que é chegado o momento de deixar essa vida e acrescenta que deu tudo de si na empreitada que lhe foi conferida, que conseguiu chegar ao final e conservando a fé.

Paulo sabendo que a sua vida estava chegando ao fim, procura estimular Timóteo a ter um comportamento adequado ao seu chamado e, também, faz questão de deixar claro que conseguiu levar a bom termo a sua missão e, por conta disso, se encontra tranquilo esperando a sua hora, porém não se esquece de dizer para Timóteo, nas entrelinhas,  que o trabalho que se espera dele não será nada fácil, por isso coloca de forma muito clara que ele terá de aprender a suportar os momentos difíceis que virão.

Paulo, com toda a sua experiência, está chamando a atenção de Timóteo para determinados pontos de seu comportamento que terão de ser exercitados  para que consiga levar a bom termo a sua tarefa e, um deles, é a perseverança, pois sem ela será impossível aprender a conviver com o sofrimento e prosseguir.

E esse conselho dado por Paulo a Timóteo há milhares de anos, nunca foi tão atual. Não existe a menor condição de conseguirmos nada em nossa vida se não perseverarmos. Se formos buscar o perfil de qualquer pessoa bem sucedida, com certeza vamos encontrar a persistência com sendo uma de suas qualidades.

Entretanto, isso que parece uma coisa óbvia, não consegue atingir o coração de milhares de pessoas que não conseguem persistir na busca de seus objetivos e acabam perdendo grandes oportunidades que se apresentam em suas caminhadas.

Então a grande pergunta que precisa ser feita é: “Como conseguimos perseverar”?

Essa resposta é muito difícil na medida em que as pessoas são diferentes, entretanto, olhando  um pouco para a vida de Paulo talvez consigamos aprender a como conseguirmos perseverar em nossos objetivos.

Paulo era um perseguidor dos cristãos e foi transformado por Deus em um pregador do Evangelho, a partir daí escreveu cartas para várias igrejas, pregou nas cidades do império romano e jamais temeu enfrentar os problemas que surgiram durante a sua caminhada, ou seja, ele tinha total comprometimento com os seus objetivos, antes e depois da sua conversão, ou seja, quando era um fariseu e odiava a fé, perseguindo os cristãos sem misericórdia e muito mais depois que teve um encontro pessoal com Jesus, que mudou por completo a sua trajetória.

Paulo era uma pessoa totalmente empenhada com aquilo que lhe competia fazer, nunca mediu esforços para levar a bom termo as missões que lhe eram entregues e por isso, ao final, conseguiu o prêmio da vitória, que é dado, pelo Senhor, a todos aqueles que procuram viver de forma apropriada. Pense nisso e deixe e seu comentário.

Por:Marcio Motta

Disponibilizamos um E-book para você. Coletânea de Versículos Bíblicos. Não deixe de baixar. É grátis!  => => => Quero Receber!

 

Facebooktwittergoogle_plusmail

Comments

palavrafiel
Reply

trata-se de um tema customizado

Leave a comment

name*

email* (not published)

website