Navigate / search

ONDE SE ENCONTRA DEUS DENTRO DOS SEUS PLANOS?

Gálatas 6:7-9

Não se deixem enganar: de Deus não se zomba. Pois o que o homem semear, isso também colherá. Quem semeia para a sua carne, da carne colherá destruição; mas quem semeia para o Espírito, do Espírito colherá a vida eterna. E não nos cansemos de fazer o bem, pois no tempo próprio colheremos, se não desanimarmos.

onde se encontra Deus dentro dos seus planos?

Seria tremendamente assustador se um dia nós plantássemos abacaxi e colhêssemos melancia, é evidente que somente colheremos aquilo que plantarmos e o que parece servir somente para lavoura é totalmente pertinente para todas as áreas de nossas vidas.

Muita gente vive reclamando e achando a vida tremendamente injusta, porém não consegue perceber que está apenas colhendo aquilo que anda plantando. “Leia também: Os valores morais que se perderam”.

O que essas pessoas não entendem é que tudo o que fazemos gera  resultados que podem ser bons ou ruins e a nossa colheita sempre será consequência das sementes que lançamos.

Por isso é muito duro estarmos levando a nossa vida de uma forma correta, fazendo coisas boas, procurando ajudar os outros e, em contrapartida, estarmos colhendo coisas ruins, ou seja, parece que estamos plantando abacaxi e colhendo melancia.

Entretanto nos versículos tema desse artigo está escrito que: “E não nos cansemos de fazer o bem, pois no tempo próprio colheremos, se não desanimarmos”. “Sugerimos que você leia também: O que Deus quer nem sempre é o que nós desejamos”.

O que Paulo estava colocando aos gálatas é para que eles não desanimassem e que continuassem a fazer o bem, pois no devido tempo eles colheriam as bênçãos provenientes dessas sementes que estavam sendo lançadas.

Mas por que a pessoas desanimam? A grande maioria desanima porque não tem um propósito para as suas vidas, vivem à mercê das circunstâncias, ou seja, se tudo está indo bem está feliz, se alguma coisa começa a dar errado é o fim do mundo. “Uma ótima leitura para você seria: A corrida desesperada atrás das bênçãos”.

Todos nós precisamos ter objetivos claros para as nossas vidas, construir um planejamento que nos leve onde queremos estar, já que, caso contrário, nos tornaremos presas fáceis do cotidiano difícil que estamos vivendo.

A partir do momento que fixemos objetivos bem definidos para a nossa caminhada, conseguiremos perseverar no caminho sem desanimar diante das dificuldades.“Você também pode ler: Não se torne vítima da religiosidade”.

Mas tudo isso que dissemos não terá o menor valor se não entendermos a mensagem principal desses versos, quem semeia somente pensando em si próprio não colherá nada de bom, mas quem semeia para Deus colherá grandes bênçãos.

Não dá para ter objetivos, fazer planos, criar estratégias, ter persistência e excluir Deus, fazer tudo isso somente para si e não entender que sem Deus nada disso será possível é plantar abacaxi e colher melancia. Pense nisso e deixe o seu comentário.

Por:Marcio Motta

Disponibilizamos um E-book para você. Coletânea de Versículos Bíblicos. Não deixe de baixar. É grátis!  => => => Quero Receber!

 

Facebooktwittergoogle_plusmail

Comments

maria
Reply

OPORTUNIDADE E CONHECIMENTO
Mateus – 25.11-12 – Mais tarde, chegaram as virgens néscias, clamando: Senhor, senhor, abre-nos a porta! Mas ele respondeu: Em verdade vos digo que não vos conheço.

Este versículo se encontra na parábola das dez virgens. Segundo a história cinco delas eram prudentes e cinco loucas e saíram ao encontro do esposo. As loucas tomaram as suas lâmpadas, mas esqueceram de levar o azeite. Já as prudentes levaram-no em suas vasilhas, juntamente com suas lâmpadas.

Como o esposo demorou a chegar elas acabaram adormecendo. Por volta de meia-noite chegou o esposo. Então as dez virgens se levantaram e prepararam as suas lâmpadas. O que aconteceu é que, como as loucas esqueceram-se do azeite, as suas lâmpadas foram se apagando. Então elas pediram às prudentes um pouco de azeite e ouviram como resposta um sonoro não, pois caso elas fizessem isto, acabaria faltando para elas, as prudentes, e lhes sugerem que saiam para comprar.

Saindo as loucas para comprar o azeite, chega o esposo e aquelas que estavam preparadas entraram com ele para as bodas e fechou-se a porta.

Quando as loucas chegaram e pediram para entrar, receberam como resposta do esposo que ele não as conhecia.

Este texto nos fala de algumas coisas, e todas antagônicas, quais sejam, prudência e imprudência, cuidado e falta de cuidado, mas gostaríamos de focar em duas coisas que não são antagônicas. Oportunidade e conhecimento. Sim por que estas duas coisas devem caminhar juntas na nossa vida.

Numa delas não temos muita inferência, a oportunidade, porém na outra, o conhecimento, temos todo o poder.

Muitas pessoas vivem reclamando da sorte, da vida, mas não fazem a sua parte. No nosso texto, as virgens prudentes sabiam que precisavam levar um azeite para qualquer eventualidade, o que aconteceu, o noivo se atrasou, obrigando-as a usar o azeite de reserva. Já as loucas não pensaram nesta possibilidade. Quando a oportunidade surgiu, a chegada do noivo, somente um grupo pode usufruir das bodas, as outras perderam o “ time” e perderam a chance.

Assim é na vida real. Muitas pessoas vivem perdendo oportunidades por não estarem devidamente preparadas para o momento em que elas se apresentam. Ninguém sabe quando, verdadeiramente, a grande chance acontecerá. E, invariavelmente, quando perdem, reclamam da vida, acham uma tremenda injustiça, só acontece comigo, estas coisas. Porém não se toca que, se estivesse preparada, poderia agarrar a oportunidade e viajar no conhecimento.

Vocês imaginem um jogador de futebol, uma das profissões mais competitivas do mercado. Este jogador não está jogando. Está fora do time. Porém ele tem de estar muito bem preparado fisicamente, tecnicamente, taticamente, para quando a chance surgir, entrar no time e aproveitar. E assim, acontece em todos os segmentos. Não pode a oportunidade aparecer e não aproveitarmos por falta de conhecimento.

E isto acontece em diversas situações. As vezes um determinado funcionário está conversando com seu cliente, que está dando informações a respeito de suas necessidades, de suas carências, daquilo que está querendo fazer . Como muitos funcionários não conhecem, a fundo, os produtos que sua empresa vende, não conseguem captar as informações que estão sendo transmitidas pelo cliente, e acaba perdendo a oportunidade de efetuar a venda, de surpreender o cliente, e o pior, deixa de ganhar dinheiro. Tudo porque não detém o conhecimento.

É lógico que muitas vezes ficamos com a sensação que estamos perdendo tempo. No caso das virgens que levaram o azeite de reserva, poderia acontecer de não haver necessidade e, aí, as loucas também estariam presentes nas bodas. O que estamos querendo dizer é que muitas vezes achamos que estamos perdendo tempo investindo no conhecimento, já que, como não termos interferência na variável oportunidade, na medida que ela demora a aparecer, as coisas vão ficando meio que parecendo inúteis.

Este é um raciocínio completamente equivocado. As oportunidades podem demorar mas, com certeza, acontecerão. Não estar preparado é um dos maiores erros daqueles que pensam da forma

Marcio Motta
Reply

Obrigado pelo seu comentário

Leave a comment

name*

email* (not published)

website