Navigate / search

DEUS CONHECE AS REAIS INTENÇÕES DOS NOSSOS CORAÇÕES

Mateus 21:28-30

Mas, que vos parece? Um homem tinha dois filhos, e, dirigindo-se ao primeiro, disse: Filho, vai trabalhar hoje na minha vinha. Ele, porém, respondendo, disse: Não quero. Mas depois, arrependendo-se, foi. E, dirigindo-se ao segundo, falou-lhe de igual modo; e, respondendo ele, disse: Eu vou, senhor; e não foi.

Deus conhece as reais intenções dos nossos corações

Estes três versículos fazem parte de um diálogo entre Jesus e os fariseus que tentaram aprontar uma armadilha para o Mestre fazendo uma determinada pergunta que parecia ter um direcionamento, mas, que na verdade, tinha segundas intenções.

E é sobre isso que gostaríamos de falar nesse artigo, das verdadeiras intenções das pessoas. “Leia também: Se quisermos mudanças precisamos mudar”.

Os versículos tema de nosso texto diz que um homem tinha dois filhos e determinou ao mais velho que fosse trabalhar em sua plantação de uvas e o filho lhe respondeu que não iria, porém depois se arrependeu e foi.

Depois se dirigiu ao outro e disse a mesma coisa e recebeu como resposta que ele iria, porém acabou não indo. “Sugerimos que você leia também: Sem perseverança não existe vitória”.

O que estamos vendo é o comportamento de duas pessoas com intenções completamente diferentes, o primeiro falou a verdade e disse que não queria ir, mas acabou cumprindo a determinação do pai, porém o segundo jamais teve a real intenção de fazer qualquer coisa, ou seja, demonstrou estar bem intencionado em obedecer ao seu pai, mas já sabia que não cumpriria o que estava dizendo. …Continue lendo o texto…

Facebooktwittergoogle_plusmail

SE CONHECERMOS A VERDADE, FELIZES SEREMOS SE A PRATICARMOS

João 13.17

Se sabeis estas coisas, bem-aventurados sois se as fizerdes.

É muito comum presenciarmos pessoas falando de Deus e com comportamentos e estilos de vida completamente em desacordo com os preceitos que devem nortear uma vida em comunhão com o Senhor.

Se conhecermos a verdade, felizes seremos se a praticarmos

Infelizmente, muita gente não percebe que a Palavra de Deus jamais ensina alguma coisa simplesmente para ser divulgada, muito pelo contrário, ela nos dá as informações para que sejam colocadas em prática, para que sejam colocadas em nosso dia a dia, para que nos dê um padrão de comportamento.

Então, ficar falando de Deus e continuar a praticar determinados atos condenados na Bíblia, a ter uma vida completamente em desacordo com os princípios divinos é se expor às críticas daqueles que estão ouvindo, pois ninguém se iluda achando que as pessoas não reparam, não percebem, não censuram e não fazem comentários a esse respeito. É claro que fazem e de uma forma bem contundente, pois aquilo que o ser humano melhor sabe fazer é reparar e julgar o comportamento do seu semelhante e ouvir alguém falar de Deus, fazer mensagens, colocar versículos e não viver aquilo é um prato bem cheio para esses críticos.

É claro que nesse contexto existem aquelas pessoas que falam sem nenhum conhecimento de causa, que colocam as suas posições simplesmente por acharem que é assim mesmo e nunca tiveram a menor preocupação em buscar maiores informações a respeito do contido na Palavra de Deus. …Leia o artigo completo…

Facebooktwittergoogle_plusmail

O TEMPO É O MAIOR ALIADO DA VERDADE

Provérbios: 12.17

A testemunha fiel dá testemunho honesto, mas a testemunha falsa conta mentiras. 

O tempo é o maior aliado da verdade

Segundo a Palavra de Deus uma das seis coisas que Ele detesta é a língua mentirosa e faz todo sentido o Senhor se sentir assim, pois a mentira vai totalmente contra o Seu caráter que não sofre nenhuma variação. Infelizmente, não podemos dizer a mesma coisa com relação ao ser humano, que muitas vezes molda o seu comportamento de acordo com as circunstâncias e os seus interesses e, por conta disso, falta com a verdade em diversos momentos de sua vida.

O grande problema para o mentiroso é que as coisas nunca ficam durante todo o tempo encobertas, podem ficar até algum período, entretanto mais dia ou menos dia a verdade virá à tona e a pessoa que agiu dessa forma ficará exposta de uma forma irreversível.

O pior, é que determinadas pessoas ainda fazem uma divisão para esse comportamento, classificando a falta com a verdade em mentirinha e mentirão, ou seja, a primeira não tem nenhum problema em ser cometida, tendo em vista que se trata de uma coisa pequena e que pode gerar consequências administráveis, o que temos de evitar é a segunda, que provocarão sérios problemas e sairão do controle. Leia o artigo completo…

Facebooktwittergoogle_plusmail